terça-feira, 7 de dezembro de 2010

Projeto Político-Pedagógico

Respondendo a uma pergunta, de uma professora, sobre PPP


Prezada Maria Aparecida:


São duas as origens deste enxame de falas sobre Projeto Político-Pedagógico no Brasil. Uma é legal (você falou em regulamentação): num dos artigos da última versão da LDBEN fala-se em “proposta pedagógica”, dizendo que toda a escola deve elaborá-la com a participação dos professores. A outra vem do estudo sobre a educação e é apresentada através de uma extensa bibliografia que vem, sobretudo, da França, da Itália, da Espanha e de Portugal. Na América do Sul, o país mais avançado em estudos a este respeito é o Brasil, embora inicialmente o Chile tenha tido influência importante. Com base em toda a literatura a respeito, Chile e, principalmente, Brasil consagraram este nome: Projeto Político-Pedagógico (PPP). O grande problema é elaborar e executar o PPP, com médio e curto prazo (um dia pensaremos no longo prazo): as pessoas (e os livros) que falam disto têm ideias bonitas, mas não sabem como trabalhar um PPP. Professores, diretores, pais e alunos constroem simulacros sem fundamento científico e, naturalmente, nada funciona. Mas, embora necessário e essencial, o saber planejamento não é o único motor da mudança. Entre nós, falta a outra condição: a audácia de mudar que é controlada pela sociedade e pelas autoridades educacionais. O processo escolar está tão definido, com séries, disciplinas, conteúdos, aprovação e reprovação, metodologia do professor falando sozinho: mudá-lo exige coragem, já que autonomia verdadeira não temos. Ora, planejar significa optar e optar é decidir; planejar é construir ideias a partir dos problemas e, depois, transformá-las em realidade. É preciso conquistar esta autonomia e isto se conquista aos poucos, à medida que se planeja.

Não posso responder a outra parte de sua pergunta que envolve conceitos, modelos, técnicas e instrumentos de planejamento: teria que escrever um livro. Felizmente você encontra isto em dois autores que vão aos detalhes e não esquecem o global do PPP: Danilo Gandin e Celso Vasconcellos. Encontrará outros, mas muito pouca coisa sobre como se faz. Sobre os perigos do planejamento e sobre sua necessidade e sua excelência encontrará muita coisa. Meus livros “ A Prática do Planejamento Participativo” e “Temas para um Projeto Político-Pedagógico”, da Vozes respondem a parte técnica de suas perguntas.

Uma saudação especial a você que se interroga. Perguntar é essencial para obter resposta- em geral, quem pergunta já intuiu a resposta.

Danilo Gandin

6 comentários:

  1. Maria Ap. Miranda07 dezembro, 2010 17:31

    Prof Gandin, muito obrigada pela atenção.Faço um curso EaD e este tema foi gerador de muita discussão, pois muitos professores desconhcem o PPP ou têm informações distorcidas. Postei suas informações , que são de extrema importância. Um abraço, bom trabalho. Maria Ap. Miranda, Ribeirão Preot/SP.

    ResponderExcluir
  2. O Sr é d+!!!! Sandra Mendonça RJ

    ResponderExcluir
  3. Boa Tarde professor...
    Gostaria de saber sua opinão sobre o planejamento em Orientação Educacional.

    ResponderExcluir
  4. Prezado "Anônimo"
    No Planejamento Participativo,este tipo de questão está muito bem resolvida. Trata-se de planos setoriais integrados no Plano Global da instituição.
    No caso de uma escola, haverá planos globais de médio prazo (sugiro 3 ou 4 anos) e planos globais de curto prazo (anuais). Os planos da orientação educacional devem inserir-se nesta globalidade e existirem como planos setoriais e, por isto, dependentes daqueles planos globais. Terão três partes: 1. Referencial da Orientação Educacional, portanto específico, mas incorporando o projeto político e o projeto pedagógico da escola. 2. Um diagnóstico da prática da OE na escola, com levantamento de possibilidades e limites. 3. Uma programação, propondo ações, atitudes, regras e rotinas para a OE, para o tempo de duração do plano.
    No livro "A Prática do Planejamento Participativo", Ed. Vozes, há um capítulo sobre isto - Página 126 e seguintes.

    ResponderExcluir
  5. Olá sou uma estudante do Curso Normal e estou construindo um PPP e gostaria que o Senhor me explicasse cada intem que forma o PPP..
    O seu trabalho e excelente e maravilhoso...
    Obrigada.

    ResponderExcluir
  6. Busquei muitos esclarecimentos sobre o PPP em textos e vídeos seus.
    Obrigado por compartilhar seu saber!!!

    ResponderExcluir